Revista_2Resumo

A rizartrose é uma patologia muito comum que afecta frequentemente mulheres de meia-idade e por norma bilateralmente. Muitas técnicas cirúrgicas têm vindo a ser descritas para o tratamento da rizartrose em estádios avançados, como é o caso da artrodese, da trapezectomia com ou sem interposição de tendão e/ou reconstrução ligamentar, dos implantes de silicone e das próteses totais trapézio-metacarpianas. Os autores pretendem com este estudo comparar 2 tipos diferentes de implantes analisando retrospectivamente a utilização destes no tratamento de 15 doentes com rizartrose bilateral. Na série estudada, a prótese trapézio-metacarpiana provou ser eficaz no alívio sintomático e no aumento da mobilidade e da força do polegar. O implante do tipo «ball-and-socket» obteve melhores resultados funcionais e um menor tempo de recuperação, em relação à prótese «anatómica».

Abra aqui para ver o artigo em PDF: R Claro